terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

CARLOS ROBERTO OSÓRIO MANDA PASSAGEIROS "PESQUISAREM" ITINERÁRIOS DE LINHAS


O povo que se vire. É assim que disse, apenas em tom mais cordial, o secretário de Transportes do município do Rio de Janeiro, Carlos Roberto Osório, na reportagem de hoje do Bom Dia Brasil sobre a confusão no sistema de ônibus carioca por causa das mudanças nos trânsitos do Centro.

Osório disse para os passageiros "pesquisarem" os novos itinerários, já que a Prefeitura nem está aí para prestar qualquer tipo de satisfação aos passageiros, que já têm que diferir uma empresa de outra dentro da mesmice da pintura padronizada.

Sobre os problemas do transporte coletivo, Osório tenta livrar a atual prefeitura do ônus da situação, ao dizer que os mesmos são "antigos". Como se, antes de 2010, o sistema de ônibus já mostrasse uma piora que só se nota nos últimos quatro anos.

A verdade é que, antes de 2010, o sistema de ônibus do Rio de Janeiro pode até não ser a oitava maravilha do mundo, mas tinha melhor qualidade em relação a hoje e era referência para todo o país. Havia maior transparência graças à diversidade visual que facilitava os passageiros identificarem uma empresa de ônibus, além de haver maior conforto, maior cuidado com as frotas e por aí vai.

Se a situação não era perfeita antes, hoje é desastrosa. E os passageiros é que pagam caro, confusos na hora de pegar ônibus, sem saber que empresa vão pegar, que itinerário vão seguir, que ponto vão ter que ir para pegar determinada linha. O povo que se vire? Talvez. Mas, do jeito que é a gestão do prefeito Eduardo Paes, para ele e sua equipe, o povo que se dane!

Nenhum comentário:

Postar um comentário