quinta-feira, 25 de novembro de 2010

A coisa está feia no Rio

      O caos iniciado desde o começo da semana se extendeu até hoje com vários veiculos incendiados. No começo da manhã incendiaram um ônibus da viação Três Amigo, onde o motorista ficou em estado de chque. Hoje eu fui para uma consulta e de lá ia para universidade. Ao embarcar no 358( ex-S11) da Rio Rotas (esta empresa é um verdadeiro consórcio, uma vez que agrupa várias empresas como Ocidental, Santa Sofia, por exemplo, ja que a Pégaso não lidera consórcio nenhum) recebi a ligação da minha irmã para voltar para casa, pois todas as universidades suspenderam as atividades. Para não correr o risco de faltar, liguei para um colega de sala e o mesmo além de confirmar a suspensão das aulas me relatou que  ESTA CIRCULANDO UM BOATO DE QUE NO CENTRO DE CAMPO GRANDE HAVERIA ARRASTÕES. Na mesma região, houve queima de ônibus em Santa Cruz e na Cesário de Melo. Diante disso, voltei para casa imediantamente. Coisa está muito feia.
       Varias empresas de ônibus recolheram seus ônibus. Os rodoviarios se recusaram a trabalhar na madrugada de hoje temendo pelas suas seguranças. A empresa Lourdes suspendeu suas atividades hoje e tirou toda sua frotra da rua.
       Ao se ver isso acontecer nos ônibus, muita gente pode dizer que não tem nada a ver, mas com a padronização muita tragédia pode ocorrer, pois muita gente irá embarcar em ônibus errado e passar por situações como essa de incendios de ônibus e ainda, parar em comunidades como o Complexo do Alemão, por exemplo. Isso ja está acontecendo na prática. Um parceiro deste blog e colaborador do TV's do RJ quase pegou ônibus errado ontem. Isso aconteceu com o 786 da Rio Rotas com a nova pintura padronizada e ele teve sérias dificuldades para reconhecer o ônibus e justamente o da foto publicada aqui.
        Com relação ao trafico de drogas e a milicia a solução seria a mais simples possivel: trabalho a paisana. E só colocar policiais homens e mulheres como pessoas comuns e acima de qualquer suspeita e os colocarem para serem se infiltrarem como usuários de drogas, como tomador de serviços da milicia. E a partir dai extrair informações das quadrilhas. Depois é só prender co pouquissimas armas e sem enfrentamento. Mais ao invés disso,  este governo ineficiente prefere ficar enfrentando os bandidos da maneira que a gente está vendo na Tv. Assim não dá.
    No caso dos ônibus, é mais um motivo para você leitor deste blog participar deste abaixo assinado. Lembre-se, você corre sério risco de ver sua mobilidade prejudicada bem como a sua capacidade de denunciar maus serviços das empresas de ônibus e ainda, de escapar de eventos trágicos como estes Pense nisso! E só!

Nenhum comentário:

Postar um comentário